domingo, 15 de janeiro de 2012

DOAÇÃO DE SANGUE

DOADORES DE SANGUE PODERÃO SER BENEFICIADOS EM CONCURSOS PÚBLICOS

Tamita na Câmara dos Deputados, Projeto de Lei que beneficiará doadores de sangue em concursos públicos. Pela proposta, o candidato que apresentar no ato da inscrição cartão de doador regular de sangue (três vezes por anos) terá o benefício do desempate nas provas.
Segundo o deputado Luiz Argôlo, do PP baiano, a medida visa estimular muitas pessoas a se tornarem doadoras de sangue e com isso amenizar o drama que vivem os hemocentros de todo o país que não conseguem atender a demanda pela escassez de doarores.
O candidato que através de atestado médico provar que não pode ser doador terá o mesmo direito dos doadores regulares.
Certamente algumas correntes religiosas se posicionarão contra tal PL, porém cremos ser uma medida interessantes para que se minimize o problema da falta de doadores, que poderão salvar em cada doação de sangue inúmeras vidas.
FONTE:AGÊNCIA CÂMARA

Um comentário:

Anônimo disse...

Written on 15 de janeiro de 2012 at 20:08 by jonas
ESTRANHO:Deputado se cala sobre o caso do roubo do hospital!
Filed under Destaques, Política {no comments}

O roubo de equipamentos importantes e caros do Hospital Regional de Campo Maior, talvez não seja solucionado por causa da ingerência política. Há três meses, foram carregados de dentro do estabelecimento de saúde, equipamentos como desfibrilador, respiradores e raio x. O caso foi parar na polícia, que investigou e descobriu que os equipamentos foram levados do hospital,estiveram em Teresina e por fim foram encontrados dentro de uma clínica particular em Parnaíba, cujo proprietário é o ex-secretário de saúde,Paulo Lages.

Crítico ferrenho do Hospital Regional, quando este era dirigido por José Soares, o deputado Antonio Félix chegou a levar aos canais de televisão da capital, imagens onde se mostrava uma goteira nas dependências do hospital. Agora que a polícia descobre um roubo avaliado em aproximadamente 70 mil reais, nenhuma palavra foi dita pelo parlamentar, ao menos pedindo que fossem divulgados os nomes dos envolvidos.

A impressão que passa para a sociedade campomaiorense é que há algum tipo de proteção com relação a possíveis apadrinhados políticos. Até o delegado Daniel Pires, responsável pelas investigações, pode estar sofrendo pressões para aliviar o caso.

Esse roubo já se tornou público e por causa dele até uma pessoa morreu. Um funcionário municipal que sofreu um ataque cardíaco há dois meses, procurou socorro no hospital e acabou morrendo por que não havia no local, um desfribilador, aparelho que está entre os equipamentos que foram carregados da maior casa de saúde da região.

No seio da população campomaiorense há perguntas que não querem calar. Quem roubou os equipamentos? Como conseguiu levar estes equipamentos sem ninguém ver? Por que tanta pressão em cima do Delegado de Polícia? Por que o deputado de Campo Maior não se pronunciou sobre o assunto? Afinal, a quem interessa esse silêncio? Pode ser que depois desta matéria, algo seja desvendado e o deputado abra a boca.